Propriedade do Trianon

Longe de toda a cerimônia do Palácio, a Propriedade de Trianon fica adjacente ao Petit Park e abriga o Grande Trianon, os palácios Petit Trianon, a Vila da Rainha e uma variedade de jardins ornamentais. A construção da área começou sob o reinado de Luís XIV, mas está intimamente associada à Rainha Maria Antonieta, esposa de Luís XVI, uma vez que ela procurava refúgio aqui e encomendou para o local grandes e maravilhosos jardins paisagísticos centrados em torno de uma aldeia de casas rústicas.

Explore a Propriedade do Trianon

feature-box_0

O Grand Trianon é um edifício arquitetônico único, construído em 1687. A construção foi supervisionada pelo Rei Luís XIV e, uma vez concluída, foi utilizada como residência privada onde podia passar algum tempo com a sua esposa secreta, Madame de Maintenon. Era originalmente conhecido como "Marble Trianon" devido aos painéis de mármore rosa que enfeitavam as elegantes fachadas do palácio.

feature-box_1

O Petit Trianon foi uma obra-prima neo-clássica construída para o Rei Luís XV. Esta residência real era um símbolo da paixão do rei pelas ciências botânicas: ele queria ter uma casa no coração dos jardins a que tanto dedicou do seu tempo. Em 1774, a rainha Maria Antonieta recebeu o Petit Trianon como presente do rei Luís XVI, pois tinha dificuldade em adaptar-se à vida do palácio e procurava muitas vezes refúgio. Ela tornou-se muito apegada à propriedade e rapidamente a fez sua, redecorando-a.

feature-box_2

A Vila da Rainha é o resultado do fascínio da rainha pelos encantos da vida rural. A aldeia modelo foi inspirada na arquitetura rústica tradicional da Normandia e incluía um moinho de vento e laticínios, bem como uma sala de jantar, salão, sala de bilhar e boudoir. Embora fosse reservada principalmente para a educação dos seus filhos, Maria Antonieta também utilizou a aldeia para passeios e acolhimento de hóspedes.

Horários de funcionamento

Terças - domingos, das 12h30 às 18h30

Última admissão às 18h

Entradas

A entrada na Propriedade de Maria Antonieta, Grand Trianon, Petit Trianon e Vila da Rainha está incluída apenas no ingresso passaporte. O ingresso padão não permite a entrada nestas partes de Versalhes.

Propriedade do Trianon - Perguntas mais frequentes

P. Que opção de ingresso de Versalhes preciso para visitar a Propriedade de Maria Antonieta e o Domaine De Trianon?
R.
Os ingressos de entrada padrão não incluem o acesso a estas partes da propriedade. Você terá de adquirir o ingresso passaporte, com o qual poderá visitar tudo, incluindo a propriedade de Maria Antonieta, Grand Trianon, Petit Trianon e a Vila da Rainha.

 P. Em que dias estão fechados os jardins?
R.
Os jardins estão abertos ao público todos os dias do ano.

P. Preciso de ingressos separados para visitar os jardins e as fontes de Versalhes?
R.
 Sim, os ingressos para o Palácio e para os Jardins são separados. Os ingressos padrão de entrada não incluem o acesso aos jardins e fontes. No entanto, com o ingresso passaporte, você poderá visitar toda a propriedade, incluindo o palácio, os jardins e os espetáculos das fontes.

P. O que é o ingresso passaporte de Versalhes?
R.
 O ingresso passaporte de Versalhes é uma opção de ingresso que dá acesso a toda a propriedade. Com o Passaporte de Versalhes, você poderá visitar o Palácio com guia de áudio, a propriedade de Trianon, exposições temporárias, os Jardins e o Parque, os espetáculos As Grandes Águas ou os Jardins Musicais e a Galeria das Carroças..

P. Com quanto tempo de antecedência posso comprar os ingressos?
R.
 Você pode adquirir ingressos para o Palácio de Versalhes com até 3 meses de antecedência. 

P. Quais são os horários de funcionamento e abertura de Versalhes?
R.
 O Palácio de Versalhes está aberto de terça a domingo, das 9h às 18h30. A última admissão é às 17h. Ele fica fechado às segundas-feiras, 25 de dezembro e 1 de janeiro.